Argélia

Algiers

A Argélia, é o mais extenso país do continente africano e tem a particularidade de ser banhado pelo Mediterrâneo e, em simultâneo integrar o maior deserto quente do mundo. Independente desde 1962, esta nação não esconde os vestígios de todos quantos pisaram as suas terras. O Norte e o Sul têm características completamente distintas e a dividi-los está a Cordilheira do Atlas, que se estende ao longo de 2400 km. Dois dos três maciços da cordilheira estão no território argelino e ajudam a criar o contraste entre o planalto, a montanha e o deserto.

Argel, a capital deste país do Magrebe, é a cidade mais populosa e caracteriza-se pela cor branca, que pinta os edifícios da encosta banhada pelo Mediterrâneo, daí ser apelidada de Argel a Branca. O seu Kashab preserva ainda um estilo único de medina, que cativa anualmente os olhares de milhares de turistas. Constantina, também na faixa costeira, é um dos maiores pólos industriais e culturais do país. Ainda na costa destaque para a cidade de Tipasa, famosa pelos vestígios púnicos, romanos, cristãos e africanos. A mistura, aliada à presença simultânea do mar e do relevo do Monte Chenoua, contribuíram para a atribuição do título de Património da UNESCO, em 1982, ano em que também foi galardoado o Parque Natural Tassili n'Ajjer onde podem ser observados 15 000 desenhos, que contam a história da evolução do Saara desde o ano 6000 A.C. Djémila é uma paragem obrigatória. Trata-se de uma vila originária de um assentamento bérbere, ainda em bom estado de conservação que alberga o maior número de ruínas romanas no Norte de África. Timgad (província de Batna), com o seu teatro romano ainda em bom estado de conservação, é outro dos pontos emblemáticos do país. A paisagem do Vale de M'Zab, que data do século X, mantém-se intacta e realça a proteção concedida pelos Ibaditas a cinco cidades fortificadas: Ghardaia, Mélika, Atteuf, Bou Nioura e Isguen. São Património Mundial desde 1982. Destaque, ainda, para Tamanrasset, capital dos tuaregues argelinos, situada junto aos Montes do Hoggar. É uma cidade mítica, de tom ocre, com muito comércio, local de convergência de vários itinerários do deserto. Por aqui passa a Transaariana, uma longa estrada de 4500 km, que atravessa três países - Argélia, Níger e Nigéria, ligando Argel a Lagos.

Viajar por toda a Argélia, pode ser uma boa forma de ter um primeiro contacto com África. A planície costeira dá as boas-vindas, as Montanhas do Atlas mostram a heterogeneidade do continente e são o obstáculo a contornar para se entrar numa imensidão de dunas e aridez. O Deserto do Saara, com todos os mitos e lendas associados, é não apenas identificativo do país, mas do próprio continente negro, não fosse a sua área equiparável à da Europa ou à dos Estados Unidos da América.

Ver foto

Argélia

  • Argélia (DZA)
  • Capital: Argel
  • Região: Africa (Northern Africa)
  • Fuso Horário: +01:00
  • Denominação: Algerian
  • Area: 2,381,741 km2
  • Fronteira com:
    TUN, LBY, NER, MRT, MLI, MAR
  • População: 40,400,000
  • Lingua: Arabic
  • Moeda: Algerian dinar
  • Internet: .dz
  • Telefone: +213