Croácia

Zagreb

Com uma costa deslumbrante para o Adriático e mais de mil ilhas, a Croácia (1991) é mais um país resultante do desmembramento da antiga Jugoslávia e um dos que mais tem crescido, sobretudo em termos turísticos. Além de belas praias de areias douradas, o país tem um conjunto vasto de cidades ricas em património histórico e arquitetónico. 

Dividido em 20 condados, o país tem como capital Zagreb, no Norte. Parques, galerias e vários museus pintam a cidade. O colorido mercado de verduras, a Catedral de Santo Estevão, o Palácio Arcebispal, as fortificações do século XVI, a Torre Lotrscak, as Igrejas de São Marcos e de Santa Catalina são os principais atrativos da Alta da Cidade. Para ir até à Baixa chega-se facilmente no teleférico. Na zona mais Baixa, mais museus, a Galeria Strosmayer, o Teatro Nacional Croata e o Jardim Botânico. Além de Zagreb, é na região da Dalmácia que se encontram as principais cidades, com destaque para Dubrovnik e Split, ambas Património da UNESCO. A meio da costa, Split tem um complexo histórico notável, em que se incluem igrejas românicas, palácios góticos, fortificações medievais, mansões em estilo renascentista e barroco e a joia principal da cidade, o Palácio Diocleano. Os habitantes de Split chamam-lhe a cidade mais bonita do mundo e arredores. As belas praias da Baía de Marjan, os espaços verdes, os muitos bares e os ótimos restaurantes, assim como o Templo de Júpiter, completam um quadro esplêndido. Não muito longe de Split é imperdível a visita a Trogir, mais uma cidade cujo centro histórico é Património da UNESCO. A Catedral de Sibenik,  perto de Split, também consta da lista da UNESCO. Ao largo da cidade, a ilha de Hvar, uma jóia escondida no tempo, considerada a rainha das ilhas da Dalmácia. A sua fama vem desde a Antiguidade, devido a sua importante posição estratégica, natureza, história e cultura. 

Já Dubrovnik situa-se mesmo na ponta Sul do país e tem um centro histórico ímpar. A dividir a parte antiga e a parte nova da cidade está a Placa, um passeio com cafés, restaurantes e edifícios históricos. Destaque ainda para a beleza do porto e das construções que ladeiam as águas que banham a cidade. Subindo ao Norte do país, mais duas cidades importantes: Rijeka e Poreč. Em Rijeka o grande destaque vai para a deslumbrante Baía de Kvarner (com fáceis ligações à Dalmácia, a Veneza e ao Sul de Itália). Poreč é um dos maiores centros turísticos do país, sendo o seu complexo episcopal e a Basílica (com elementos clássicos e bizantinos) considerados Património da UNESCO. Pula e Rovnij são mais duas cidades importantes na Península de Ístria, uma península em forma de coração, também famosa pelas belas praias. Algumas das melhores estâncias do país encontram-se nas ilhas, nomeadamente na Ilha de Brač, na de Krk, na de Pag ou na de Mjlet. O Cabo Dourado (Zbtni Rat) é uma praia em forma de seta imperdível. Biševo, e a sua gruta azul, é outro grande atrativo do país, rico em espécies animais e vegetais. Mais no Interior do país, já perto da fronteira com a Bósnia, encontramos um dos locais mais ricos no que toca à biodiversidade, o Parque Nacional dos Lagos Plitvice, Património da UNESCO. Cascatas, uma vegetação densa e animais de diversas espécies, nomeadamente ursos, constroem a paisagem, em que os lagos, tanto os Superiores como os Inferiores têm o principal papel. 

Belas cidades, praias deslumbrantes e um passado histórico rico em episódios, em avanços e recuos, a encantadora Croácia tem tudo para conseguir progredir a cada ano. Sorte já não lhe falta, não tivesse este país a forma de uma ferradura.

Ver foto

Croácia
  • Croácia (HRV)
  • Capital: Zagreb
  • Região: Europe (Southern Europe)
  • Fuso Horário: +01:00
  • Denominação: Croatian
  • Area: 56 594 km2
  • Fronteira com:
    BIH, HUN, MNE, SRB, SVN
  • População: 4 190 669
  • Lingua: Croatian
  • Moeda: Croatian kuna
  • Internet: .hr
  • Telefone: +385